A história do que fugiu

903340_563955580303507_835895700_o

E porei inimizade entre ti e a mulher, e entre a tua semente e a sua semente; esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar.

Gênesis 3:15

A Bíblia é a história do Evangelho porque o Antigo Testamento é uma promessa profética da redenção Divina que tem o seu cumprimento pleno no Novo Testamento. Portanto, toda a Bíblia é uma Escritura essencialmente cristã porque fala de uma única Obra, focalizada e realizada numa única Pessoa: Cristo!A Bíblia é uma história da busca Divina e da fuga humana e o Evangelho é a revelação progressiva da Pessoa e da Obra que tem sido manifestada no decorrer desta mesma história.

Porém, o Evangelho é a “boa nova” de Deus que não pode ser revelada sem que haja o milagre do convencimento do Espírito sobre a “má notícia” ou “a pior notícia” a nosso respeito: nascemos todos inimigos do Criador Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus; Romanos 3:23. O Evangelho só pode ser devidamente experimentado e compreendido a partir da revelação do contraste existencial ou da ruptura espiritual estabelecida pelo próprio Deus.

Na queda do ser humano, em função da sua própria escolha de viver independente  da Palavra de Deus, fica claro que não há nenhuma compatibilidade entre o plano Divino e a proposta satânica acatada por nossos primeiros pais De toda árvore do jardim comerás livremente, mas da árvore da ciência do bem e do mal, dela não comerás; porque, no dia em que dela comeres, certamente morrerás Gênesis 2:17.

A aposta enganosa de que o gênero humano ousasse poder existir e ter liberdade à parte do Divino, ou até mesmo ser semelhante a Ele, fez com que fosse estabelecido um absoluto antagonismo entre a Sua vontade e a vontade da criatura. Por causa da essência e do ato do pecado, não crer na Palavra do Criador, foi decretada a inimizade entre Deus e o homem.

Mas, qual é a natureza ou quais são as implicações desta inimizade estabelecida pelo Criador? Porei… Este verbo quer dizer o seguinte: Eu, Deus estabelecerei uma fronteira intransponível, tornarei algo inacessível, imporei ou determinarei algo contrário. É como se O Criador estivesse tirando da criatura o seu traje ou vestimenta próprios. Faz sentido porque em Gênesis 3:21. O próprio Deus é o verdadeiro Estilista da humanidade!

N’Aquele que é a própria Palavra, 

Maurício Mantovani.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s